Jandira Feghali é a 8ª parlamentar mais influente do Brasil, aponta pesquisa

Brasília, terça-feira, 12 de janeiro de 2021 - 10:38      |      Atualizado em: 15 de janeiro de 2021 - 12:4

POLÍTICA

Jandira Feghali é a 8ª parlamentar mais influente do Brasil, aponta pesquisa


Por: Portal Vermelho

Segundo levantamento do Instituto FSB Pesquisa, PSL e PT têm as bancadas mais influentes.

Richard Silva/PCdoB na Câmara

A deputada Jandira Feghali (PCdoB-RJ) aparece em destaque na lista dos parlamentares brasileiros mais influentes nas redes sociais. O levantamento FSBinfluênciaCongresso, realizado pelo Instituto FSB Pesquisa, classificou senadores e deputados federais por influência no Facebook, Instagram e Twitter em 2020. De acordo com a pesquisa, Jandira ocupa o oitavo lugar entre os 594 congressistas do país.

Embora a lista seja dominada por parlamentares bolsonaristas – muitos deles à base de fake news e outras práticas ilegais –, a esquerda conta com importantes influenciadores nas redes. O deputado Marcelo Freixo (PSOL-RJ) desponta em sexto no ranking, enquanto o senador Humberto Costa (PT-PE) é o sétimo. Presidenta do PT, a deputada Gleisi Hoffmann (PT-PR) está no décimo lugar.

A lista é encabeçada, pela primeira vez, pelo deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente Jair Bolsonaro. Já o senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ), seu irmão – que foi denunciado pelo Ministério Público do Rio por organização criminosa, peculato e lavagem de dinheiro –, perdeu prestígio nas redes. De sexto mais influente em 2019, agora Flávio é apenas o 16º.

Segundo a FSBinfluênciaCongresso, as bancadas mais influentes nas redes são as do PSL e do PT. Com relação aos estados, os parlamentares de São Paulo são os mais influentes, seguidos pelos do Rio de Janeiro.

Todas as postagens de deputados e senadores nas redes sociais avaliadas registraram 2,2 bilhões de interações – uma média de 6 milhões por dia. Entre 2019 e 2020, o volume de interações (entre curtidas, comentários e compartilhamentos) cresceu 75%. A maior parte do crescimento foi registrado no Facebook.

Ao todo, os parlamentares reuniram, em 2020, 158,36 milhões de seguidores, um aumento de 19% na comparação com o ano anterior. O Facebook concentra a maioria desses seguidores (51,4%), à frente do Instagram (29,7%) e Twitter (18,8%). Proporcionalmente, porém, a maior alta de seguidores se deu no Twitter, com crescimento de 40,1%.

O aumento de interações reflete também a alta no volume de publicações: de fevereiro a dezembro de 2020, os congressistas publicaram 1,01 milhão de conteúdos nas redes pesquisadas (116 por hora), 13% mais do que em 2019.

O Instituto FSB Pesquisa analisou o grau de engajamento em todas as publicações dos parlamentares de 1º de fevereiro a 31 de dezembro de 2020 e comparou com os resultados do mesmo período de 2019. Foram analisadas publicações feitas no Facebook (apenas páginas públicas), no Instagram (apenas contas business) e no Twitter. As notas são atribuídas considerando número de seguidores, quantidade, alcance e engajamento (curtidas, comentários e compartilhamentos) das publicações nas diferentes redes.









Últimas notícias

Notícias relacionadas

Sobre nós
Contatos

Área Restrita
Login
Liderança do PCdoB na Câmara dos Deputados
Praça dos Três Poderes, Câmara dos Deputados, anexo II, sala T-12
Brasília-DF - 70160-900 - Telefone: 55 (61) 3215-9732
ascompcdobcd@gmail.com