Atuação genocida cobra seu preço, diz Orlando Silva sobre queda na aprovação de Bolsonaro

Brasília, sexta-feira, 22 de janeiro de 2021 - 11:24

POLÍTICA

Atuação genocida cobra seu preço, diz Orlando Silva sobre queda na aprovação de Bolsonaro


Por: Portal PCdoB

Avaliação positiva de Bolsonaro sai de 37% para 26%, segundo pesquisa Exame/Ideia. A maior queda semanal desde o início do governo.

U. Marcelino/Reuters

O deputado Orlando Silva (PCdoB-SP) comentou, em suas redes, a mais nova pesquisa Exame/Ideia que mostra a piora na avaliação de Bolsonaro. Ele também se manifestou sobre os gastos feitos pelo governo federal com remédios ineficazes no combate à Covid-19, como a cloroquina.

“Pesquisa Exame/Ideia mostra que a atuação genocida na pandemia cobra seu preço: Bolsonaro despencou de 37% para 26% de avaliação positiva e subiu para 45% de ruim e péssimo. Para ter uma noção do buraco, Pazuello — o Pazuello!!! — tem avaliação melhor que a do presidente”, disse o parlamentar nesta sexta-feira (22).

A pesquisa, feita por telefone entre 18 e 21 de janeiro, capta a reação dos brasileiros diante do colapso em Manaus e da desorganização do governo quanto à efetivação de um plano nacional de imunização. Segundo a pesquisa, trata-se da maior queda semanal desde o início do governo.

O parlamentar também criticou, nesta quinta-feira (21), o comportamento de Bolsonaro e do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, com relação ao uso de medicamentos contra a Covid-19 que não têm eficácia garantida. “Bolsonaro e Pazuello são responsáveis e devem pagar pelas milhares de mortes que provocaram ou induziram ao difundir um falso tratamento, comprovadamente ineficaz, sabotando os esforços de contenção da pandemia. São genocidas.”

Orlando também falou sobre o gasto, por parte do governo federal, de R$ 90 milhões em cloroquina e outros desses remédios ineficazes, apontando que, ao mesmo tempo, o governo ainda não pagou pelas vacinas do Instituto Burantan. “Queimar dinheiro público em tratamento comprovadamente inútil não seria crime? Mais um!”, indignou-se.









Últimas notícias

Notícias relacionadas

Sobre nós
Contatos

Área Restrita
Login
Liderança do PCdoB na Câmara dos Deputados
Praça dos Três Poderes, Câmara dos Deputados, anexo II, sala T-12
Brasília-DF - 70160-900 - Telefone: 55 (61) 3215-9732
ascompcdobcd@gmail.com