Alice defende quebra de patentes para ampliar oferta de vacinas contra covid no Brasil

Brasília, sexta-feira, 5 de fevereiro de 2021 - 13:32

SAÚDE

Alice defende quebra de patentes para ampliar oferta de vacinas contra covid no Brasil


Por: Maiana Neves*

A parlamentar propõe realização de Comissão Geral na Câmara para discutir o assunto.

Richard Silva/PCdoB na Câmara

A deputada Alice Portugal (PCdoB/BA) apresentou, nesta quinta-feira (4), requerimento na Câmara dos Deputados solicitando realização de uma Comissão Geral, para discutir a quebra de patentes das vacinas para o combate à Covid-19 e o posicionamento brasileiro frente a esta proposta em debate tanto na Organização Mundial da Saúde (OMS) quanto na Organização Mundial do Comércio (OMC).

A ideia é fazer um amplo debate sobre o assunto no Congresso Nacional, uma vez que a suspensão das patentes facilitaria a produção de vacinas no Brasil.

Em outubro de 2020, Índia e África do Sul levaram uma proposta de suspensão das patentes de produtos de combate ao coronavírus à OMC. Rússia e China manifestaram apoio à medida. No mês seguinte, 99 países apoiaram a proposta, mas países desenvolvidos se posicionaram contra e o Brasil vem bloqueando a medida.

“O Brasil não pode ser contra a quebra de patentes das vacinas. Essa suspensão vai garantir a redução dos preços das doses dos imunizantes, contribuindo para que milhões de pessoas dos países mais pobres tenham acesso ao imunizante no mesmo ritmo das populações mais ricas. Precisamos ampliar a oferta dos imunizantes e salvar vidas. Por isso, é fundamental a realização desta Comissão Geral para debater o assunto”, defende Alice.

Para a Comissão Geral, a deputada solicitou que sejam convidados as seguintes autoridades: ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo; ministro da Saúde, Eduardo Pazuello; senador José Serra, ex-ministro da Saúde; Dr. Jorge Bermudez, chefe do Departamento de Política de Medicamentos ENSP/Fiocruz; Dra. Sara Kanter, farmacêutica e ex-diretora da Associação dos Laboratórios Farmacêuticos Nacionais (ALANAC); Fernando de Castro Marques, presidente da União Química; Dr. José Gomes Temporão, ex-ministro da Saúde; Mariângela Simão, diretora-geral assistente para acesso a medicamentos, vacinas e produtos farmacêuticos da OMS; Suresh Reddy, Embaixador da Índia no Brasil; e Fernando Zasso Pigatto, presidente do Conselho Nacional de Saúde (CNS).

*Ascom deputada Alice Portugal









Últimas notícias

Notícias relacionadas

Sobre nós
Contatos

Área Restrita
Login
Liderança do PCdoB na Câmara dos Deputados
Praça dos Três Poderes, Câmara dos Deputados, anexo II, sala T-12
Brasília-DF - 70160-900 - Telefone: 55 (61) 3215-9732
ascompcdobcd@gmail.com